Terça-Feira, 17 de Agosto de 2021 - 10:19 (Geral)

L
LIVRE

Em reunião em Cerejeiras, Seas intensifica importância do 'Agosto Verde' e entrega kits do programa Mamãe Cheguei às gestantes

Cristineia agradece ao Governo do Estado por toda dedicação e atenção intermediada pela Seas.


Imprimir página

O Governo de Rondônia, por meio da Secretaria de Estado da Assistência e do Desenvolvimento Social (Seas), deu início, na última semana, as atividades do “Agosto Verde”, mês dedicado à promoção da primeira infância. No Cone Sul, representantes da regional da Seas em Vilhena participaram, no município de Cerejeiras, de uma roda de conversa para fortalecer o movimento e entrelaçar o vínculo e diálogo entre os Municípios e o Estado.

O mês dedicado à primeira infância, Agosto Verde, é uma iniciativa com o intuito de produzir uma agenda nacional de atividades e diálogos envolvendo governo e sociedade civil, promovendo assim o fortalecimento do vínculo entre mãe e filho, além da conscientização dos cuidados durante a gestação, que são determinantes para o processo de desenvolvimento da criança nessa fase da primeira infância, além dos cuidados para uma vida saudável, proporcionando um bom desenvolvimento infantil que é fundamental para a fase adulta.

A gerente regional da Seas, Marciana Malaquias, esclarece que a roda de conversa no município de Cerejeiras reuniu gestantes que são acompanhadas pelo programa Mamãe Cheguei, Criança Feliz e Criança Feliz Mais, com as equipes da Seas; da Secretaria Municipal de Assistência Social; do Centro de Referência e Assistência Social (Cras) e do programa Criança Feliz. As beneficiárias dos programas ainda receberam os kits compostos por enxoval para chegada do bebê.

Marciana destaca que os atendimentos dos programas “Mamãe Cheguei”, “Criança Feliz” e “Criança Feliz Mais” têm sido fundamentais e de grande importância para o acompanhamento de gestantes. “Com esses eventos conseguimos informar e conscientizar a comunidade sobre os impactos causados na vida da criança, nas primeiras fases da vida. Considerando que tudo o que se faz nesse período irá repercutir na idade adulta, essa roda de conversa proporciona trocas de experiências e conscientização da população e propõem a promoção de políticas públicas voltadas à primeira infância”.

Para a supervisora do programa Criança Feliz de Cerejeiras, Cristineia Ribeiro, a ação também busca conscientizar sobre a importância do pré-natal e o acompanhamento com as orientações que as equipes ofertam às gestantes. “Muitas gestantes ainda têm dúvidas sobre fazer ou não o pré-natal. Nosso papel é acompanhar e orientar. Confesso que durante a pandemia esse acompanhamento foi prejudicado, pois gostaríamos de ter feito mais, mesmo assim buscamos atender essas gestantes de forma individual e até mesmo de forma remota e agora conseguimos entregar os kits de natalidade”.

Cristineia agradece ao Governo do Estado por toda dedicação e atenção intermediada pela Seas. “Estamos muito gratos por todo apoio que recebemos da regional da Seas. A equipe tem nos atendido com tanto cuidado, sempre respondendo sobre as demandas e orientações que precisamos. Isso nos motiva e fortalece nosso vínculo, assim conseguimos ofertar um atendimento de qualidade às famílias e em especial, às gestantes”.

A coordenadora do Cras, Adriele Alves, defende que manter a harmonia também é uma forma de fazer com que as gestantes se sintam acolhidas e seguras com os programas. Ela diz ainda que a roda de conversa contou com um momento de confraternização, “preparamos um lanche com muito carinho, e ali as gestantes tiveram a oportunidade de trocar experiências umas com as outras”.

O encontro contou com a presença do vice-prefeito de Cerejeiras, José Carlos, que agradeceu ao Governo pela parceria por fortalecer esse vínculo entre Município e Estado, facilitando para que eventos como este aconteçam garantindo um único propósito que é beneficiar a população que realmente precisa.

A secretaria municipal de assistência social, Maria Moreira, também esteve presente destacando a importância de desenvolver os programas de assistência no município. Segundo ela, o “Agosto Verde” vem fortalecer ainda mais o programa Criança Feliz. Esse momento de conversa com as gestantes tornou ainda mais especial a entrega dos kits que viemos realizando em todo o Estado.

Fonte: 010 - SECOM - GOV/RO

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias