Quinta-Feira, 01 de Julho de 2021 - 10:40 (Geral)

L
LIVRE

Conab participa de webinário internacional para promover produção e consumo de frutas, verduras e legumes

Uma iniciativa que visa possibilitar maior acesso à alimentação saudável para as populações em insegurança alimentar e nutricional.


Imprimir página

Incentivar todas as etapas do sistema alimentar, desde a produção até o consumo de frutas, verduras e legumes. Este é o objetivo do webinário internacional promovido pela Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO), nesta quinta-feira (1), que marca a abertura dos trabalhos do Ano Internacional das Frutas, Legumes e Verduras no Brasil. O evento contará com a participação da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), a partir de palestra do diretor de Política Agrícola e Informações, Sergio De Zen.

Durante o evento, o diretor da Companhia irá apresentar as ações executadas pela estatal a fim de contribuir com o incentivo tanto da produção como do consumo de frutas, verduras e legumes (FLV). “A função da Conab é gerar dados de qualidade, reduzir a assimetria de informações e oferecer inteligência de mercado. Desta forma reduzir os riscos para aqueles que produzem e oferecer segurança alimentar para os consumidores.” afirmou o diretor da Companhia. “Informações assertivas, ágeis e disponíveis e a base para subsidiar as decisões e formulação de políticas públicas”, ressaltou De Zen.

Entre as iniciativas executadas pela Companhia está o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), uma política pública que traz ao sistema econômico a agricultura familiar. Assim como, atua reduzindo a assimetria de informações que favorece muitos produtores pequenos e médios. O PAA possibilita o apoio à comercialização de produtos da agricultura familiar por meio da aquisição da produção por preços de referência que não podem ser superiores nem inferiores aos praticados nos mercados regionais, até o limite de R$ 8 mil ao ano por organização de agricultores familiares. Os alimentos adquiridos são destinados ao abastecimento da rede socioassistencial e de Equipamentos Públicos de Segurança Alimentar e Nutricional, como restaurantes populares e cozinhas comunitárias.

Outra importante ferramenta é o Banco de Alimentos, uma iniciativa que visa possibilitar maior acesso à alimentação saudável para as populações em insegurança alimentar e nutricional, além de combater o desperdício de alimentos.

Na oportunidade o diretor também apresentará algumas informações estratégicas para o setor hortifrutícola, levantadas pelo Programa Brasileiro de Modernização do Mercado Hortigranjeiro – Prohort, por meio da parceria firmada com as Centrais de Abastecimento.

De acordo com dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), o consumo diário ideal de frutas, legumes e verduras por pessoa é de 400g. Segundo a OMS, estima-se que 2,7 milhões de mortes possam ser evitadas no mundo anualmente com o consumo adequado desses alimentos, comportamento que está fortemente associado à redução da incidência de doenças cardiovasculares, diabetes tipo 2 e alguns tipos de cânceres. Ainda segundo a Organização, é possível estimar que 19% dos cânceres gastrointestinais, 31% das doenças isquêmicas do coração e 11% dos acidentes vasculares são decorrentes do consumo insuficiente de FLV.

Fonte: 025-'CONAB

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias