Segunda-Feira, 26 de Abril de 2021 - 14:48 (Geral)

L
LIVRE

Termina na próxima sexta-feira prazo para concorrer a edital de financiamento

Objetivo é a destinação de penas pecuniárias da Vara de Execução e Penas e Medidas Alternativas


Imprimir página

Encerra na próxima sexta-feira, 30, o prazo para que entidades ou instituições públicas e privadas interessadas em obter financiamento de projetos sociais. Os recursos são advindos das penas e medidas pecuniárias aplicadas pelos juízos atuantes na área criminal, que já atendem diversas iniciativas e atividades no município. O Edital n. 001/2021 estabelece dois prazos para recebimento dos projetos, sendo o primeiro de 1° de março a 30 de abril de 2021, e o segundo de 2 de agosto a 30 de setembro de 2021.

Os recursos das penas e medidas pecuniárias aplicadas pelos juízos atuantes na área criminal são regulados pela Resolução nº 154, do Conselho Nacional de Justiça, e atendem diversas iniciativas e atividades no Município. Há, também, o compromisso da instituição contemplada dar publicidade dos trabalhos realizados em parceria com a Vepema, buscando a divulgação do Edital a outras instituições.

Os roteiros básicos de cada projeto com identificação, informações e descrições têm modelos disponibilizados no anexo do Edital ( (Clique aqui)). As entidades e instituições que já participam da Rede de Atendimento da Vepema também podem apresentar seus projetos sociais, desde que mantenham seus dados cadastrais atualizados.

Por ocasião das medidas de restrição adotadas para conter a disseminação do novo coronavírus, o recebimento dos projetos pela Vepema está sendo realizado por meio de envio ao e-mail: ngpppvh@tjro.jus.br, ou seja, toda a documentação deverá ser digitalizada e encaminhada via e-mail. Caso a instituição não tenha condições terá de justificar a impossibilidade e agendar a entrega da documentação em formato físico, no Fórum Geral César Montenegro, situado na Avenida Pinheiro Machado, 777, Bairro Olaria.

No período de 2019 a 2020 foram destinados mais de 2 milhões ao financiamento de projetos em pelo menos seis áreas de atuação na sociedade como: assistência social, execução penal, educação, saúde, ambiental e segurança pública. No ano de 2020, devido à pandemia da COVID-19, os recursos foram destinados mais às áreas de saúde e assistência social, visando cooperar com as medidas preventivas de contenção à propagação do vírus, e também assistir algumas instituições com atuação em acolhimento, abrigamento e internação de pessoas em vulnerabilidade social e grupo de risco da COVID-19.

 

 

.

Fonte: assessoria de comunicação institucional - tj-ro

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias