Segunda-Feira, 22 de Março de 2021 - 18:02 (Economia)

L
LIVRE

Eletrobras quer desligar mais 476 empregados até novembro

Desligamentos serão feitos por meio do plano de aposentadoria voluntária da companhia.


Imprimir página

A Eletrobras pretende desligar mais 476 empregados como parte do seu plano de aposentadoria voluntária até o fim do ano. De acordo com o ex-presidente e conselheiro da Eletrobras Wilson Ferreira Júnior, o custo dos desligamentos previstos para 2021 está estimado em R$ 245 milhões.

A companhia tinha 26.008 empregados em 2016, número que caiu para 12.527 funcionários ao fim de 2020, após o plano de reestruturação conduzido nos últimos anos pelo ex-presidente em preparação para a capitalização da estatal.

Ferreira Júnior – que renunciou ao comando da estatal em janeiro para assumir a BR Distribuidora – também destacou, em conferência com analistas na manhã desta segunda-feira (22), que a alavancagem da Eletrobras chegou a 1,5 vez ao final de 2020. A métrica, medida pela dívida líquida sobre o Ebitda ajustado, estava em 3,6 vezes ao final de 2016. A meta da estatal é manter a alavancagem abaixo de 2,5 vezes.

“É uma demonstração clara da disciplina financeira”, disse o executivo sobre o número registrado ao final do ano passado.

Eletrobras terá Elvira Presta como presidente interina

Além disso, outro objetivo do plano era a venda das sociedades de propósito específico (SPEs). A estimativa da companhia é reduzir o número de participações em SPEs das 178 em 2016 para 49 ao final de 2021. Em dezembro do ano passado, a Eletrobras ainda tinha participação em 94 SPEs.

A Eletrobras teve lucro líquido de R$ 1,269 bilhões no quarto trimestre de 2020, queda de 44% na comparação anual.

Fonte: 20 - Por Valor Online

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias