Terça-Feira, 26 de Janeiro de 2021 - 14:26 (Coronavírus)

L
LIVRE

VACINAÇÃO COVID - Mais de 1.600 profissionais de saúde já foram imunizados

A expectativa é vacinar mais dois mil trabalhadores do público-alvo até sexta-feira


Imprimir página

Profissionais de saúde que estão na linha de frente no combate ao coronavírus continuam sendo vacinados contra a Covid-19 pela Secretaria Municipal de Saúde (Semusa). Desde o último dia 19, quando iniciou a vacinação, até a segunda-feira (25), 1.602 pessoas do público-alvo foram imunizadas.

A imunização é executada por equipes volantes da Semusa no local de trabalho dos profissionais, para facilitar o acesso do trabalhador e acelerar o processo. Foram contempladas até agora, 23 estabelecimentos de saúde da rede municipal e estadual, sendo 11 Unidades Básicas de Saúde que atendem pacientes com Covid no período vespertino, UPAs Sul e Leste, Samu, Laboratório Central de Rondônia (Lacen), Hospital de Campanha do Estado, Hospital Cemetron, Policlínicas Ana Adelaide e José Adelino, entre outros.

A programação de imunização continua essa semana no Hospital João Paulo II, Unidade de Assistência Médica Intensiva (AMI), Hospital de Campanha da Zona Leste, Serviço de Assistência Multidisciplinar Domiciliar (SAMD), Centro Especializado Em Reabilitação (CER), Hospital de Extrema, Hospital do Amor, Policlínica Osvaldo Cruz (POC), Hospital Infantil Cosme e Damião (Ala Covid), Hospital de Base (Ala Covid). A expectativa é vacinar mais de dois mil profissionais nos próximos dias.

No último sábado (23), vacinadores da Semusa estiveram nos distritos de Vista Alegre do Abunã e Nova Mutum para levar o imunizante aos profissionais que atuam diretamente na pandemia. Nos dois locais, 15 trabalhadores foram vacinados com a CoronaVac.

NOVAS VACINAS

No último domingo, Rondônia recebeu um lote da vacina desenvolvida pela Universidade de Oxford com a farmacêutica AstraZeneca, vinda da Índia. Em Porto Velho ficaram 5.170 doses para a imunização do grupo prioritário, neste caso, também aos profissionais de saúde que estão na linha de frente no enfrentamento à Covid-19.

Na segunda-feira (25), outro lote de 8 mil vacinas CoronaVac chegou ao Estado, todas encaminhadas para a vacinação indígena estadual. A Semusa disponibilizou ao Distrito Sanitário Especial Indígena (Dsei) 2.399 doses da CoronaVac para vacinar 1.199 índios com as duas doses necessárias. O imunizante está sendo entregue conforme solicitação e programação de vacinação do Dsei.

CRONOGRAMA

O público-alvo desta primeira fase contempla os trabalhadores da saúde, idosos acima de 75 anos, pessoas com 60 anos instaladas em abrigos ou asilos e indígenas aldeados com idade superior a 18 anos.

Como o município não recebeu doses suficientes para todo esse público, algo tem torno de 55 mil pessoas, os profissionais de saúde da linha de frente, que atendem os pacientes com Covid-19, estão sendo priorizados.

Tão logo o município receba novas doses de vacina, os idosos de 75 anos para cima começarão a ser vacinados. A Semusa vai disponibilizar canais de agendamento e a ação acontecerá em algumas escolas da rede municipal e estadual de educação. O objetivo é evitar filas e aglomerações.

Fonte: 010 - SMC - Superintendência Municipal de Comunica

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias