Quinta-Feira, 08 de Outubro de 2020 - 15:50 (Política)

L
LIVRE

Jair Montes diz que chegou a hora do Estado tomar providências

Deputado alerta que conflito agrário também cresce no Vale do Jamari


Imprimir página

O deputado Jair Montes (Avante) disse que chegou o momento das forças de segurança de Rondônia tomar providências para o Estado não virar terra sem lei. A cobrança do parlamentar foi feita em discurso, durante sessão plenária nesta terça-feira (6), ao comentar sobre o conflito agrário que resultou nas mortes do tenente da reserva José Figueiredo Sobrinho e do sargento Márcio Rodrigues da Silva, no último final de semana numa fazenda na região de Nova Mutum, distrito de Porto Velho.

O parlamentar disse que na região do Vale do Jamari, onde se concentram nove municípios com extensa área rural, a situação também é complicada. Conforme afirmou, várias fazendas foram invadidas. “Quem tem terra, precisa de garantia,” disse. Montes fez um parênteses para diferenciar os verdadeiros agricultores que há muitos anos trabalham a terra dos invasores oportunistas, que entram em áreas já produtivas e espalham o terror.

Para Montes, invasores e guerrilheiros têm que ser tratados como tal. Disse também que é preciso solicitar o reforço de forças federais.Em aparte, o deputado Adelino Follador (DEM) informou que o senador Marcos Rogério já pediu ao ministro da Justiça e da Segurança Pública, André Mendonça, o envio da Força Nacional e a instauração da medida de Garantia da Lei e da Ordem (GLO) em Rondônia.

 

Antônio Pessoa-ALE/RO

Foto: Marcos Figueira-ALE/RO

Fonte: Decom/ale-ro

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias