Terça-Feira, 28 de Agosto de 2018 - 16:43 (Internacional)

L
LIVRE

VÍDEO – BALEIA JUBARTE SEM CAUDA CHOCA AMBIENTALISTAS

Uma baleia que perdeu a cauda inteira foi filmada nadando no mar, chocando os espectadores ao revelar sua ferida.


Imprimir página

Uma baleia que perdeu a cauda inteira foi filmada nadando no mar, chocando os espectadores ao revelar sua ferida.

No início do vídeo, o filhote de baleia jubarte pode ser visto nadando na água, aparentemente com bastante normalidade.

No entanto, é quando mergulha que você vê um ferimento horrível de coto e aparência dolorosa onde estava sua cauda.

A baleia foi flagrada no Oceano Pacífico, na cidade colombiana de Nuqui, e acredita-se que ela tenha perdido sua cauda depois de ficar emaranhada em uma rede de pesca abandonada.

Especialistas acham que uma rede poderia ter ficado tão envolvida em torno da cauda da baleia, que a circulação foi cortada.

A cena triste foi capturada por membros da fundação Macuáticos, uma organização de conservação marinha que disse que o jovem animal não sobreviverá por muito mais tempo.

O biólogo Cristian Bermudez disse: “A baleia provavelmente não sobreviverá porque a cauda é essencial para viajar ao redor do mar e é fundamental para mergulhos profundos”.

Natalia Botero, diretora da fundação, também acrescentou: “Nós a procuramos por uma semana e quando a encontramos, vimos enormes ferimentos cor de café que pareciam gangrenados”.

Botero explicou que a fundação tem trabalhado com os moradores locais para tentar ajudar a combater um incidente similar acontecendo novamente, instando os habitantes locais a mudarem as práticas de pesca que ameaçam a vida selvagem marinha.

Ela acrescentou: “Essas pessoas têm pescado dessa maneira a vida toda e é assim que elas sobrevivem, por isso devemos encontrar alternativas para elas”.

As cenas também levaram o Programa Marinho da Preservação Internacional da Colômbia a tentar persuadir os pescadores a não deixar suas redes de pesca abandonadas no mar.

A organização britânica Whale and Dolphin Conservation referiu-se a esse emaranhamento de redes de pesca como a “maior ameaça enfrentada por golfinhos, botos e baleias”.

Fonte: 015 - diario da amazonia

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias