Sexta-Feira, 10 de Dezembro de 2021 - 16:05 (Direito do Consumidor)

L
LIVRE

Ipem apura denúncia de venda de fios e cabos elétricos irregulares em Porto Velho

O objetivo da fiscalização é coibir a venda de cabos elétricos impróprios para o uso e assim garantir a eficiência dos materiais e a segurança dos consumidores.

O Instituto de Pesos e Medidas de Rondônia (IPEM-RO) atendeu denúncia realizada na última quarta-feira, 8, que trata da venda de fios e cabos elétricos irregulares no comércio de Porto Velho. Durante a fiscalização para apurar a denúncia, três modelos de produtos foram interditados.

O objetivo da fiscalização é coibir a venda de cabos elétricos impróprios para o uso e assim garantir a eficiência dos materiais e a segurança dos consumidores. O registro dos produtos apreendidos havia sido cancelado pelo Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), mesmo assim, os artigos estavam sendo expostos de forma irregular em lojas de material de construção.

Para agilizar a verificação dos produtos fiscalizados, o Ipem leva a campo um microhmímetro, equipamento que avalia a resistência elétrica dos condutores, identificando assim a possibilidade de fraudes contra os consumidores.

No Brasil, os fabricantes de produtos irregulares têm utilizado uma quantidade inferior de cobre na fabricação de fio e cabos elétricos, fazendo com que esses materiais estejam fora das normas estabelecidas. A prática está sendo fortemente combatida pelo Inmetro com o apoio do Sindicato das Indústrias de Condutores Elétricos (Sindicel), sindicato que representa os grandes fabricantes do setor elétrico.

Além da fiscalização em si, os fiscais do Ipem têm aproveitado o contato com os comerciantes para orientar a melhor forma de buscar a aquisição de fios e cabos elétricos de qualidade. “Em muitos casos temos nos deparado com comerciantes que também foram enganados. Sendo assim estamos fazendo um serviço de orientação para que o responsável pelo estabelecimento possa conferir se os registros estão ativos ou não de cada produto”, frisou o metrologista do Ipem, Igor Argento.

De acordo com o presidente do Ipem, Aziz Rahal Neto, os consumidores podem continuar denunciando a venda de fios e cabos, essas denúncias serão sempre apuradas pelos fiscais do Ipem. “Estamos seguindo o Planejamento Estratégico do Governo de Rondônia de dar voz a sociedade, garantir as ações de fiscalização e proteger a população em casos de violações às normas do Inmetro. Portanto não queremos que os consumidores corram risco na compra de fios e cabos, que possam causar acidentes elétricos com a utilização de produtos de baixa qualidade”, destacou Aziz.

O consumidor que encontrar, ou suspeitar de alguma irregularidade em produtos elétricos, pode informar à Ouvidoria do Ipem, pelo e-mail [email protected] ou pelo telefone 0800 647 7277.

Fonte
Texto: Alexandre Almeida
Fotos: Alexandre Almeida

Fonte: 010 - SECOM - GOV/RO

Link: http://www.newsrondonia.com.br/noticias/ipem+apura+denuncia+de+venda+de+fios+e+cabos+eletricos+irregulares+em+porto+velho/189968

News Rondônia