Terça-Feira, 26 de Julho de 2016 - 10:41 (Geral)

L
LIVRE

CAMPUS DE PORTO VELHO RECEBE O ESPETÁCULO 'AS MULHERES DO ALUÁ'

Na próxima quinta-feira, 28, às 18h, o espetáculo “As Mulheres do Aluá”, do grupo O Imaginário, será encenado no Campus de Porto Velho da Fundação Universidade Federal de Rondônia (UNIR)

Na próxima quinta-feira, 28, às 18h, o espetáculo “As Mulheres do Aluá”, do grupo O Imaginário, será encenado no Campus de Porto Velho da Fundação Universidade Federal de Rondônia (UNIR). A apresentação integra a programação do Projeto “Depois do Palco”, promovido pela Pró-Reitoria de Cultura, Extensão e Assuntos Estudantis (PROCEA), com objetivo de difundir a produção artística local junto à comunidade universitária, trazendo, como diferencial, a interação dos artistas e produtores culturais com o público, através de um diálogo intermediado por pessoas ligadas às respectivas áreas.

As Mulheres do Aluá

A montagem traz em seu elenco as atrizes Agrael de Jesus e Amanara Brandão, discentes do Curso de Licenciatura em Teatro da UNIR. Também integram o elenco as atrizes Flavia Diniz e Zaine Diniz.

A dramaturgia é de Euler Lopes Teles, com pesquisa de Chicão Santos e Nilza Menezes e direção e produção de Chicão Santos.

Sinopse

O espetáculo conta a história de mulheres de diferentes épocas que foram condenadas judicialmente, num período em que o pensamento-homem determinava a condição de cada uma delas. Com histórias marcadas pela violência, elas foram rés em processos judiciais que revelam as dificuldades de um ambiente hostil e opressor do passado amazônico, influenciado pelo ciclo da borracha e construção da Estrada de Ferro Madeira-Mamoré.

A obra foi concebida a partir desta pesquisa cênica, que coloca em foco a relação de gênero e o universo feminino. Essas histórias registradas nas páginas frias dos processos foram transformadas em dramaturgia e viraram teatro.

Quatro mulheres/personagens: Bebé Robert, Josefa Cebola, Elisa e Catharina são condenadas e trancadas em celas que ficam numa cidade abandonada no interior da floresta. Com o passar do tempo, se transformaram em “mulheres de pedra”, uma vez por ano saem desta condição para beber e festejar o “Aluá”.

Enquanto estão preparando a bebida, relembram suas memórias/lembranças, bebem o aluá e depois voltam à condição de mulheres de pedra.

Após a apresentação na UNIR, o espetáculo “As Mulheres do Aluá” participará, de 11 a 22 de agosto de 2016, do  Circuito do Projeto SESC Amazônia das Artes 2016,  com apresentações agendadas nos Estados do Amapá, Amazonas, Mato Grosso, Pará e Piauí.

Fonte: Ascom UNIR

Link: http://www.newsrondonia.com.br/noticias/campus+de+porto+velho+recebe+o+espetaculo+as+mulheres+do+alua/77971

News Rondônia