Sexta-Feira, 24 de Junho de 2016 - 10:43 (Polícia)

14
Não recomendado para menores de 14 anos

BLITZ DA LEI SECA TERMINA COM POLICIAIS SENDO AGREDIDOS POR CB DA PM E ADVOGADO

Advogado e Cb da Pm que estavam no veículo receberam de prisão e foram conduzidos até a Central de Flagrantes.

Porto Velho, RO– Uma blitz da lei seca realizada durante a madrugada desta sexta-feira (24) na avenida Amazonas, próximo da rua Daniela, bairro Cuniã terminou com dois policiais que estavam compondo a equipe da blitz sendo agredidos. Advogado e Cb da Pm que estavam no veículo receberam voz de prisão e foram conduzidos até a Central de Flagrantes.

LEIA TAMBÉM: OAB/RO REPUDIA ATO DE VIOLÊNCIA CONTRA ADVOGADO

De acordo com as informações contidas nos boletins de ocorrência de números Nº 4854-2016 (lesão corporal), 4855-2016 (injúria) registrados na Central de Flagrantes, a equipe estava de serviço na equipe na Operação Trânsito Vivo (Blitz Lei Seca) em conjunto com o órgão estadual de trânsito (DETRAN/RO) quando um veículo modelo Àgile ao avistar a blitz estacionou há cerca de 20 metros antes do local, com o intuito de não ser abordado.


(imagem ilustrativa)

Os policiais Elisangela e Egnaldo da Cia de Trânsito, se deslocaram até o veículo e solicitaram os documentos de porte obrigatório do veículo (CNH e CRLV), sendo que em primeiro momento a condutora recusou-se a entregar. O advogado identificado como Isac N. F. dos Santos, de 46 anos e o Cabo da PM, Jarde F. dos Santos, de 38 anos, que estavam na condição de passageiros saíram do veículo, sendo que Isac ficou observando o procedimento e posteriormente começou a tumultuar o trabalho dos policiais dizendo, “Vocês estão de brincadeira comigo”, “quem vocês pensam que são”.

Em ato contínuo, Isac partiu para agressão física contra a Pm Elisangela e posteriormente contra o Pm Egnaldo, que ficou lesionado na cabeça, mãos e pernas. Foi dada voz de prisão ao advogado, e neste momento, o Cb da Pm Jarde, totalmente exaltado e agressivo proferiu as palavras aos colegas de farda, “ vocês são um bando de vagabundo, isso não vai ficar assim”, e agrediu o policial Egnaldo com um soco no rosto. Jarde também recebeu voz de prisão e não contente começou a ofender o policial, “seu pretinho e branca de neve”, entre outras palavras.

Diante dos fatos, foi dada voz de prisão aos conduzidos, informado dos seus direitos constitucionais e apresentados na Central de Flagrantes. 

Fonte: Anderson Nascimento - Newsrondonia

Link: http://www.newsrondonia.com.br/noticias/blitz+da+lei+seca+termina+com+policiais+sendo+agredidos+por+cb+da+pm+e+advogado/76522

News Rondônia