Terça-Feira, 01 de Março de 2016 - 10:48 (Geral)

L
LIVRE

FERROVIA TRANSOCEÂNICA: 'ELA VIRÁ, QUANDO: - NÃO SEI, MAS, VIRÁ', DIZ CONFÚCIO MOURA

O chefe do executivo rondoniense acredita que é de fundamental importância debater sobre a integração de vários modais de transporte para a região norte, evidentemente para o estado. Fazendo referência ao projeto chinês, Moura disse que a estrada vai ser implantada, não sabe a data, mas que virá a ser construída.

Cedo pela manhã de terça-feira (01), o governador Confúcio Moura já estava plugado no Facebook. No seu perfil, publicou fotos do projeto de expansão e construção de estradas para trens em todo o país, sobretudo da Ferrovia Transoceânica que receberá do Governo da China incentivo para sua execução.

O chefe do executivo rondoniense acredita que é de fundamental importância debater sobre a integração de vários modais de transporte para a região norte, evidentemente para o estado. Fazendo referência ao projeto chinês, Moura disse que a estrada vai ser implantada, não sabe a data, mas que virá a ser construída.

“Ela virá, quando: - não sei, mas, virá. Como muita coisa boa já veio. De Rondon à Madeira Mamoré já vieram. E o milagre já aconteceu. Este será o próximo”, escreveu.

O projeto prevê um sistema de ferrovia moderna e ágil. A quem acredite que a nova ferrovia que interligará o Brasil ao Peru não sairá do papel. “Tenho duvidas, pois já se fala de fraude e roubo de dinheiro destinado a essa obra. Hoje em dia só acredito vendo. Quem sabe se for fiscalizada pelo governo chinês ela saia. Caso contrario mais uma mina para corruptos”, comentou Alessandro Casinato na FanPage de Confúcio. 

No mês passado, o executivo participou de uma reunião de trabalho em Brasília, com representantes dos estados do Acre e Mato Grosso, empresários, investidores chineses e o embaixador da República Popular da China Li Jinzhang, para dar continuidade às tratativas visando a construção da ferrovia.

A Ferrovia Transoceância, ou Transcontinental, foi planejada para ter aproximadamente 4.400 quilômetros de extensão em solo brasileiro, entre o Porto de Açu, no litoral do Rio de Janeiro, e a localidade de Boqueirão da Esperança, no Acre, como parte da ligação entre os oceanos Atlântico, no Brasil, e Pacífico, no Peru.

Fonte: NEWSRONDONIA

Link: http://www.newsrondonia.com.br/noticias/ferrovia+transoceanica+ela+vira+quando+nao+sei+mas+vira+diz+confucio+moura/71071

News Rondônia