Segunda-Feira, 06 de Dezembro de 2021 - 14:19 (Geral)

L
LIVRE

Dicas para projetar interiores com Autocad

Este tipo de sistema é algo um tanto quanto robusto, e por isso é importante que você leve em consideração o computador que você tem disponível.

O Autocad é hoje uma das ferramentas mais famosas de CAD que podemos encontrar no mercado. Para quem não sabe, uma ferramenta CAD basicamente é um software que busca auxiliar desenhos e projetos através do computador.

Este tipo de sistema é algo um tanto quanto robusto, e por isso é importante que você leve em consideração o computador que você tem disponível.

Mas seja como for, o Autocad tem ganhado um destaque recentemente para fora do mundo da engenharia civil. Sendo o design de interiores um dos ramos que mais tem se beneficiado da ferramenta.

Tanto que o curso de Autocad 2D, seja qual for a plataforma de ensino, tem crescido de maneira exponencial nos últimos anos. Ainda mais se levarmos em consideração que esta base tem a crescer ainda mais.

Então, não é só uma questão de praticidade, como também de busca do mercado para encontrar profissionais cada vez mais capacitados na ferramenta.

Por isso, separamos um espaço hoje para falar exatamente desta ferramenta e de como podemos utilizá-la para o benefício dos projetos de interiores.

Vamos conferir?

Dicas para projetar interiores com Autocad

Aqui estão algumas dicas de âmbito mais aberto para você começar a trabalhar os seus designs de interiores com a ferramenta. Mas se quiser mais dicas depois, basta pedir uma parte 2 nos comentários, ok?

1 - Comece aprendendo o Autocad

Você não vai simplesmente passar a aprender a utilizar a ferramenta de maneira 100% intuitiva. Estamos falando de um dos softwares mais utilizados do mundo com décadas de história.

Se você quer realmente começar a ter resultados sólidos, é importante aprender a mexer em todas as funcionalidades. Um curso de Autocad 2D pode ser a maneira mais rápida e eficiente.

Sem este conhecimento básico é bastante comum que você acabe se perdendo sem chegar a lugar algum.

Entretanto, você também tem que levar em consideração um fator crucial para a sua produtividade, que é no caso decorar atalhos. Quanto mais atalhos você decorar, mais rápida será a facilidade com que você editará os conteúdos.

2 - Escolha a função de cada ambiente

Para que você realmente tenha êxito no design de interiores é preciso se focar bem mais do que na estética. Grande parte das necessidades do cliente têm a ver com o uso correto do local em que a pessoa vai estar.

Então, veja qual será o objetivo final do cômodo, ele será um espaço para descanso ou estudo? Será que você vai se alimentar ou então se reunir com pessoas para um momento de lazer?

Não adianta ter um ambiente muito bonito se não há nada para se fazer lá.

3 - Aplique diferentes texturas no chão e na parede

Pode ser que esteja tudo um tanto quanto difícil de se encaixar com as texturas atuais. Então por que não simular um outro estilo de pintura ou revestimento de parede? E o piso? Será que não ficaria melhor uma escolha diferente, como por exemplo um porcelanato?

Mostrar um objetivo final para o seu cliente com certeza vai dar um voto de confiança que deve deixar tudo muito mais leve e agradável.

4 - Menos é mais

Não porque você vai projetar um ambiente que necessariamente vai ter que criar algo completamente cheio. Por isso, utilizar uma apresentação minimalista pode ser uma das maneiras mais interessantes de conseguir um resultado final agradável.

Lembre-se que as pessoas também vão precisar de espaço tanto para se locomover quanto para se sentirem mais soltas e livres dentro de casa.

Sem contar que o orçamento para cada móvel e item decorativo separado acaba aumentando. Fazendo com que você tenha ainda mais opções para criar a sua decoração.

5 - Trabalhe com uma paleta de cores

Algo muito agradável no quesito estético e até mesmo para quem vai frequentar constantemente cada ambiente é ter uma paleta de cores básicas que entregue um visual que se complemente no ambiente.

Assim, a escolha de cores complementares facilita que você tenha uma sensação ainda mais agradável no longo prazo.

Entretanto, tudo vai depender de como você realmente vai colocar na prática todos os tópicos ensinados.

Por isso, utilize aplicativos gratuitos, como por exemplo o Paletton, que ajudam você nestas escolhas.

6 - Lembre-se de qual é o seu computador

É importante lembrar que não basta apenas querer e pagar por uma licença do Autocad. Este é um software que já passa por décadas de atualizações e melhoramentos de uma maneira geral.

Então, é comum que nem todos os computadores tenham a capacidade de processamento necessárias para se utilizar o software. Embora exista uma versão web para utilizar o programa, a verdade é que ainda assim é importante ter um bom computador.

Para isto, a velocidade mínima dos núcleos do processador gira em torno de 2,5 GHZ. Mas não é só o processamento que conta. É necessário ter em mãos uma boa quantidade de memória RAM. 8 GB é a quantidade mínima, mas é recomendado que você tenha mais.

Além disso, uma placa de vídeo 3D é crucial para conseguir levar o processamento das imagens a um outro nível. Mas para isto ela deve ser dedicada e conter pelo menos 1 GB de VRAM.

O HD precisa ter cerca de 10 GB livres, mas é necessário ter bem mais do que isso se realmente quiser ter o básico de resultados.

Considerações finais

Como você pode ver, é possível utilizar esta incrível ferramenta ao seu favor. Entretanto, é preciso também ter uma boa estrutura para conseguir processar tudo e não perder tempo com o programa respondendo de maneira lenta demais.

Além disso, hoje temos a opção de contar com cursos online com certificado desta ferramenta. Sendo uma maneira excelente e muito barata para alcançar os resultados profissionais que você deseja.

Lembrando que um certificado de capacidade com a ferramenta tem a capacidade de abrir muitas portas.

Então por hoje é isso, esperamos que estas dicas tenham sido úteis para você projetar interiores em Autocad. Mas se ainda houver uma necessidade de orientações extras, basta entrar em contato pelos comentários, ok?

Até a nossa próxima dica!

Fonte: assessoria

Link: http://www.newsrondonia.com.br/noticias/dicas+para+projetar+interiores+com+autocad/189541

News Rondônia