Quarta-Feira, 22 de Setembro de 2021 - 08:01 (Educação)

L
LIVRE

Sebrae e Seduc planejam Cientista na Escola com Instituto Fórum do Futuro

Secretária Adjunta da Seduc recepcionou equipe de técnicos

O Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas em Rondônia (Sebrae), fez uma aproximação da Secretaria de Estado de Educação (Seduc) com o Instituto Fórum do Futuro para iniciar uma ação em conjunto. É o projeto Cientista na Escola.

A Secretária Adjunta da Seduc, Cristiane Lopes, recepcionou os técnicos e conheceu a proposta do projeto Cientista na Escola, em reunião realizada esta semana (20), no Palácio Rio Madeira em Porto Velho. O diretor técnico do Sebrae em Rondônia, acompanhado de técnicos da instituição apresentou o gerente executivo do Instituto Fórum do Futuro, Fernando Barros.

A iniciativa já é um resultado do Conecta Sebrae – Agrolab Amazônia, quando o Instituto Fórum do Futuro realizou um debate, onde incluía a Amazônia dentro de um cenário priorizando a pesquisa, inovação e tecnologia para o desenvolvimento da região. De igual maneira, o projeto apresentado à Seduc é aderente ao Programa Cidade Empreendedora, contemplando o eixo Empreendedorismo na Escola.

Projeto Cientista na Escola

O Instituto Fórum do Futuro defende, acertadamente, que todos devem ter acesso à ciência e tecnologia e o Projeto Cientista na Escola prevê a aproximação da comunidade científica junto ao Ensino Básico, especialmente nas escolas públicas. Seja por meio de palestras, visitas técnicas ou qualquer outro tipo de intervenção que faça a conexão entre o aluno e a comunidade escolar junto à ciência. O objetivo é inserir na Educação Básica uma visão integrada e transdisciplinar científica, como elemento de construção da cidadania.

Para a Seduc, o projeto interessa muito: “Estamos imprimindo a gestão com inovação e  tecnologia, como a mediação eletrônica, por exemplo. O aluno tem que estar preparado para este novo modelo e o Governo de Rondônia tem resgatado algumas iniciativas aderentes a esta proposta, como o Projeto Guaporé, realizado em nove escolas com educação integral”, disse Cristiane Lopes.

“Como sair da caixa? Ou a caixa nem deveria existir? Precisamos elevar o nível de consciência de todos. A competitividade nos impõe iniciativas dessa natureza, por isso o Instituto Fórum do Futuro, uma conexão que veio com a Agrolab Amazônia e agora a Seduc para avançarmos nesse projeto”, disse Samuel Almeida, diretor técnico do Sebrae em Rondônia.

As equipes técnicas devem se reunir em outra agenda para tratar do detalhamento da execução do projeto.

Fonte: 010 - Imprensa-RO

Link: http://www.newsrondonia.com.br/noticias/sebrae+e+seduc+planejam+cientista+na+escola+com+instituto+forum+do+futuro/184035

News Rondônia