Sabado, 18 de Setembro de 2021 - 13:31 (Geral)

L
LIVRE

ANAC concede Certificado Operacional ao DER do Governo de Rondônia para o Aeroporto de Ji-Paraná

Com a certificação, o aeródromo do município tornar-se habilitado a operar de acordo com as novas regulamentações.

O Governo de Rondônia, por meio do Departamento Estadual de Estradas de Rodagem e Transportes (DER), recebeu da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), o Certificado Operacional Aeroportuário para realização de voos por instrumento no Aeroporto José Coleto de Ji-Paraná. A concessão, considerada um marco para o Estado, foi expedida por intermédio da Portaria nº 5942, de 16 de setembro de 2021.

Com a certificação, o aeródromo do município tornar-se habilitado a operar de acordo com as novas regulamentações. O voo por instrumento é um incremento na segurança das operações aéreas, assim como abre um leque de possibilidades, permitindo pousos e decolagens mesmo em condições meteorológicas que impossibilitam a operação visual.

Segundo o coordenador de Infraestrutura Aeroportuária, Philipe Rodrigues Maia Leite, a certificação é também selo de qualidade, na qual teve investimento de R$ 1,1 mi (um milhão e cem mil reais), oriundos de recursos próprios do Estado. “Esta é uma grande vitória para o Governo, que permitirá que o Aeroporto de Ji-Paraná consiga operar voos por instrumentos, tendo em vista que é uma das exigências das empresas áreas regulares que solicitam que aeródromos sejam certificados”.

Maia destaca também, que junto à regularização cadastral do aeroporto, o Governo do Estado, investiu na infraestrutura do espaço, como em obras nas faixas de pista, final de pista e áreas de segurança, além da construção de uma cerca operacional padrão da Organização da Aviação Civil Internacional (Icao), que tem um papel importante para o funcionamento dos voos por instrumentos.

O diretor-geral do DER, Elias Rezende, destaca que a implantação do sistema é fundamental para o desenvolvimento econômico e social do Estado. “Nossas ações de gestão também estão focadas na infraestrutura aeroportuária, temos consciência da grande importância desse modal para o desenvolvimento socioeconômico de Rondônia, e continuamos trabalhando com o objetivo de garantir melhorias em todos os aeroportos do interior, conforme determina o governador Marcos Rocha”.

Os investimentos em infraestrutura desenvolvidos pelo Governo de Rondônia no Aeroporto José Coleto, em Ji-Paraná garantiram o alcance de mais um degrau para o desenvolvimento com a certificação operacional do aeródromo público ao Departamento Estadual de Estradas de Rodagem e Transportes (DER). O aeroporto foi reformato e recebeu também ações do Governo do Estado para atender os padrões definidos pela ANAC, podendo ser utilizado regularmente por quaisquer aeronaves compatíveis com o código de referência 3C ou inferior.

O governador de Rondônia, coronel Marcos Rocha, destacou mais uma vitória para o Estado com a certificação que traz maior visibilidade ao Aeroporto de Ji-Paraná e amplia as possibilidades de conquistar novas parcerias, o que, consequentemente, impacta em maior desenvolvimento para toda a região.

Certificado Operacional de Aeroporto significa o documento emitido pela ANAC que autoriza o detentor a operar o aeroporto conforme o Manual de Operações do Aeródromo (MOPS) aprovado pela ANAC e identifica os serviços aéreos públicos autorizados, por meio das especificações operativas. Vale destacar que esse reconhecimento reforça todo o compromisso do Governo do Estado com a segurança e a qualidade das operações aeroportuárias.

Fonte: 010 - SECOM - GOV/RO

Link: http://www.newsrondonia.com.br/noticias/anac+concede+certificado+operacional+ao+der+do+governo+de+rondonia+para+o+aeroporto+de+ji+parana/183782

News Rondônia