Quarta-Feira, 28 de Julho de 2021 - 14:20 (Polícia)

L
LIVRE

Ações integradas com reforço da Força Nacional resultam em apreensões, prisões e multas ambientais em Rondônia

Durante as atuações, foi identificado um foragido da Justiça, além de outras sete prisões realizadas.

Em pouco mais de um mês de atividades, a “Operação Rondônia”,  já resultou na apreensão de sete armas de fogo, cinco prisões em flagrantes e, pelo menos 400 abordagens a veículos (carros e motos), com estrutura da Segurança Pública envolvendo a Polícia Militar (PM), Polícia Civil (PC), Corpo de Bombeiros Militar (CBM) e com reforço da Força Nacional que está atuando no Estado com militares designados pela Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp), vinculado ao Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP).

As ações desencadeadas pelas forças de Segurança Pública reforçam o compromisso do Governo de Rondônia para prevenir e reprimir as ações violentas ao patrimônio e à população. As medidas adotadas neste momento, têm como um dos focos a garantia da paz no campo, com ações que também podem ser desenvolvidas em qualquer outra atividade policial.

Conforme dados colhidos pelo Poder Executivo, até a última segunda-feira (26), além das abordagens a veículos, quatro embarcações foram vistoriadas. No total, até a data citada, um quantitativo de 825 pessoas foram abordadas para averiguação. Durante as atuações, foi identificado um foragido da Justiça, além de outras sete prisões realizadas.

Até o momento de atividades policiais da “Operação Rondônia”, foram efetuadas dez fiscalizações ambientais e mais de R$ 1,5 milhões em multas já aplicadas.

Vale destacar que o reforço da Força Nacional foi solicitado pelo próprio governador Marcos Rocha durante reunião realizada em abril deste ano ao Ministério da Justiça, em Brasília (DF).

Desde 21 de junho, a Força Nacional está efetivamente com um contingente atuando em conjunto com as forças de Segurança Pública do Estado, visando o apoio no atendimento a crimes de qualquer ordem, tanto no campo quanto em áreas urbanas, principalmente homicídios, porte ilegal de arma e tráfico de drogas.

A permanência da tropa foi autorizada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública, pela Portaria 235, de 14 de junho, com ações de preservação da ordem pública pelo prazo de 90 dias, podendo ser prorrogado por mais 90 dias.

No momento da apresentação do efetivo da Força Nacional, o gestor da Secretaria de Segurança, Defesa e Cidadania do Estado de Rondônia (Sesdec), José Hélio Cysneiros Pachá, reforçou que  os policiais foram designados para garantir o aumento da capacidade de policiamento rural da Polícia Militar e outras missões que forem necessárias.

Na ocasião, o comandante da Força Nacional em Rondônia, major Inácio Delgado, deixou claro que a atuação da tropa é dinâmica e se desloca pelo país de acordo com a necessidade e as demandas repassadas pela Secretaria Nacional de Segurança Pública.

Fonte: 010 - SECOM - GOV/RO

Link: http://www.newsrondonia.com.br/noticias/acoes+integradas+com+reforco+da+forca+nacional+resultam+em+apreensoes+prisoes+e+multas+ambientais+em+rondonia/179319

News Rondônia