Sexta-Feira, 05 de Abril de 2019 - 12:01 (Política)

L
LIVRE

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA VAI DEBATER RESPONSABILIDADES NA SAÚDE DE PORTO VELHO

Deputados querem mostrar para a população, informações precisas sobre o atendimento médico e os responsáveis por cada demanda

A Comissão de Saúde, Previdência e Assistência Social da Assembleia Legislativa, vai debater em audiência Pública, na próxima segunda-feira (8), às 9 horas, assuntos relacionados a responsabilidade municipal e estadual das unidades de Saúde de Porto Velho.

O pedido da audiência pública foi assinado pelo presidente da Comissão, deputado Adailton Furia (PSD) e o vice-presidente deputado Drº. Neidson (PMN).

De acordo com os parlamentares, o tema é de suma relevância e necessidade, frente aos desafios que as unidades de saúde enfrentam diariamente no município de Porto Velho.

Adailton Furia destacou que as dificuldades nos atendimentos a população, são muitas, uma vez constatado o aumento no percentual de pacientes que procuram o Hospital João Paulo II e o Hospital Infantil Cosme e Damião. “A situação se agravou com a superlotação e a ausência de atendimentos adequados nas unidades básicas de saúde. Precisamos saber quem é responsável por cada serviço”, frisou.

Drº Neidson afirma que a população, sem o devido atendimento no município, vai buscar ajuda em outras unidades, superlotando hospitais com situações consideradas simples.

“Apesar de buscar por socorro, muitos pacientes passam por dissabores e contrariedades, pois se deparam com longas filas e muita espera. Se cada responsável melhorar o atendimento em sua unidade, todos saem ganhando, especialmente o paciente”, pontuou.

Os parlamentares enfatizam que diante do quadro já existente e das denúncias que a Comissão tem recebido, é primordial mostrar para a população do município de Porto Velho informações precisas no que tange o atendimento médico e os responsáveis por cada demanda.

Fonte: 015 - ALE/RO - DECOM

Link: http://www.newsrondonia.com.br/noticias/assembleia+legislativa+vai+debater+responsabilidades+na+saude+de+porto+velho/127898

News Rondônia