Sexta-Feira, 19 de Janeiro de 2018 - 18:57 (Geral)

L
LIVRE

SINTERO ALERTA AOS SERVIDORES PARA QUE FAÇAM O RECADASTRAMENTO ATÉ DOMINGO E EVITEM BLOQUEIO DO SALÁRIO

Os servidores que tiverem o salário bloqueado só receberão após fazerem o recadastramento, e o desbloqueio não é automático, podendo levar 20 dias.


Imprimir página

Os servidores estaduais têm prazo até domingo, dia 21/01 para fazerem o recadastramento obrigatório evitarem o bloqueio do salário já na folha de janeiro. Mesmo que apareçam pendências a serem sanadas posteriormente, segundo a Segep, só o recadastramento já evita o bloqueio.

Os servidores que tiverem o salário bloqueado só receberão após fazerem o recadastramento, e o desbloqueio não é automático, podendo levar 20 dias.

O site oficial do governo informou que a partir da próxima semana, o Diário Oficial do Estado de Rondônia publicará a lista com nomes dos servidores que não fizeram o recadastramento iniciado em outubro do ano passado.

Na folha de pagamento de fevereiro próximo, Rondônia terá 48.189 servidores na ativa. A cada mês, servidores transpostos e aposentados são excluídos desse total.

A Segep chama a atenção para os cuidados a serem tomados na hora de se recadastrar. Entre as falhas mais comuns constam a anexação de dois ou mais documentos num só arquivo eletrônico, quando o correto é apenas um documento em cada arquivo. Documentos ilegíveis e lotação incorreta também são falhas frequentes.

Segundo a Segep, mesmo depois de recadastrado, o servidor deve acompanhar a sua situação pelo portal do servidor.

A determinação governamental do recadastramento dá cumprimento ao Decreto 22.303, de 29 de setembro de 2017.

Para fazer o recadastramento é só acessar o link abaixo, preencher os formulários e anexar a documentação exigida. O servidor que não tiver senha para acessar o sistema, pode criar na hora e receber a senha no e-mail pessoal.

http://portaldoservidor.sistemas.ro.gov.br/Autenticacao/Login

Fonte: 010 - Assessoria de imprensa - Sintero

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias