SÃO FRANCISCO DO GUAPORÉ SEDIA CONFERÊNCIA REGIONAL DO MEIO AMBIENTE - News Rondônia Também presentes ao evento, os prefeitos de Costa Marques, Seringueiras e São Miguel do Guaporé se comprometeram a buscar uma solução conjunta e regionalizada para o problema do lixo no Vale do Guaporé.

Porto Velho,

Quarta-Feira , 19 de Junho de 2013 - 18:48 - Cidades


 

SÃO FRANCISCO DO GUAPORÉ SEDIA CONFERÊNCIA REGIONAL DO MEIO AMBIENTE

Também presentes ao evento, os prefeitos de Costa Marques, Seringueiras e São Miguel do Guaporé se comprometeram a buscar uma solução conjunta e regionalizada para o problema do lixo no Vale do Guaporé.

ImprimirImprimir página

São Francisco do Guaporé viveu um momento histórico nesta sexta-feira (14) sediando a Conferência Regional do Meio Ambiente. Participantes da cidade e dos municípios de Costa Marques, Seringueiras e São Miguel do Guaporé debateram o tema central para este ano: a erradicação dos lixões no Brasil até 2014.

Após a abertura oficial, houve um ciclo de palestras que versaram sobre coleta e tratamento de esgoto sanitário, manejo de resíduos sólidos, meios e técnicas para mitigar os problemas gerados pelo lixo e formas de geração de emprego e renda por meio da coleta seletiva e reciclagem.

A engenheira sanitarista e ambienta da Secretaria Municipal de Meio Ambiente de São Francisco do Guaporé, Ana Rúbia Parra, em sua palestra apresentou o que há de mais moderno na destinação dos resíduos sólidos, explicando o funcionamento de um aterro sanitário.

O técnico agropecuário da Prefeitura de São Francisco, Edson Piana, trabalhou a questão da geração de renda a partir dos resíduos sólidos. Em sua fala, ele destacou a importância de uma atividade conjunta de associativismo e cooperativismo na transformação do lixo em motor econômico.

A prefeita de São Francisco do Guaporé, Gislaine Clemente (Lebrinha), destacou o ineditismo do evento e compromisso da atual Administração Municipal para resolver o problema do lixão no município. Ela completou dizendo que, “todos os gestores do Vale do Guaporé estão engajados na busca de uma solução para o problema do lixo em nossas cidades. Hoje é um momento muito importante de discussão com toda a sociedade e os agentes públicos para encontrarmos o melhor caminho”.

Também presentes ao evento, os prefeitos de Costa Marques, Seringueiras e São Miguel do Guaporé se comprometeram a buscar uma solução conjunta e regionalizada para o problema do lixo no Vale do Guaporé.

O vice-prefeito de São Francisco, José Wellington Drumond Gouveia, comunicou aos presentes a conquista junto ao governo federal de recursos para o município ter 100% de fornecimento de água tratada e coleta e tratamento de esgoto. “Esta Administração conseguiu em Brasília quase R$ 40 milhões que para uma obra que representará uma revolução na qualidade de vida de nossa cidade. Porque água tratada e saneamento básico significam mais saúde, significa menos crianças doentes, menos pessoas nos postos de saúde”, explicou José Wellington.

Seguindo as diretrizes para a Conferência, foram formados grupos de discussão para tratar do tema “Brasil sem Lixões” e logo após houve a plenária de apresentação das teses tiradas nos debates, a eleição dos delegados para a etapa estadual da Conferência e a aprovação do relatório final desta etapa regional do Vale do Guaporé.

Ao término das atividades oficiais e encerrando a Conferência Regional do Meio Ambiente do Vale do Guaporé, o secretário municipal de Meio Ambiente de São Francisco, Mauricio Pio de Souza, convidou os participantes a plantarem mudas de árvores na praça do Ginásio de Esportes, representando o compromisso com as questões ambientais debatidas.

Fonte: assessoria pmsfg

Comentários do Facebook

Comentários

Enviar comentário

Veja Também

Publicidade