Quarta-Feira, 13 de Setembro de 2017 - 18:40 (Política)

L
LIVRE

CRISTIANE LOPES FALA SOBRE A SUA ATUAÇÃO EM PROGRAMA DE RÁDIO

Ela destacou o seu compromisso em participar das sessões e de não travar a pauta de votação. “Uma das minhas maiores preocupações é estar presente na Câmara de Vereadores durante as sessões.


Imprimir página

A vereadora Cristiane Lopes participou na manhã desta quarta-feira (13) do programa Rota Policial, com o apresentador Daniel Junior e sua equipe na Rádio Rondônia. Após contato de sua assessoria jurídica com o apresentador do programa, Cristiane Lopes concedeu entrevista para falar sobre a sua suposta ausência na sessão da última segunda-feira (11), onde seriam votados Projetos de Leis de autoria do Executivo, mas que infelizmente não aconteceu por falta de quórum parlamentar.

Ela destacou o seu compromisso em participar das sessões e de não travar a pauta de votação. “Uma das minhas maiores preocupações é estar presente na Câmara de Vereadores durante as sessões. Não é justo você estar lá, e ser divulgado que você não está. Minha intenção é fazer com que, não só os projetos do executivo, mas também do legislativo sejam votados de prontidão. Porque quem ganha com a agilidade desse processo, não é o prefeito, nem os vereadores, mas sim a população”, afirma.

Durante o programa, Cristiane Lopes destacou ainda as emendas conquistadas junto ao Deputado Aélcio da TV, no valor de R$ 300 mil. Desse valor, R$ 157 mil serão utilizados para a aquisição de uma ambulância que será entregue para o SAMU da Capital, R$ 100 mil serão destinados para a compra de equipamentos do Posto de Saúde José Adelino, no bairro Ulisses Guimarães na zona Leste e R$ 43 mil será encaminhado para o Posto de Saúde do Caladinho, também para a compra de equipamentos.

Após questionamento dos ouvintes, a vereadora confirmou que não tem nenhum cargo comissionado na prefeitura de Porto Velho. “Eu não tenho nenhum cargo na prefeitura. Já falei com o prefeito que tudo que eu entender que é para benefício da população eu voto ‘sim’, mas o que eu entender que não é de benefício para a população, é ‘não’. E eu gostaria de destacar também que apesar do meu posicionamento, tenho vários pedidos de providências e outras solicitações que estão sendo atendidos e sempre faço questão de agradecer e destacar o trabalho realizados por todas as secretarias”, ressalta.

Fonte: 010 - assessoria

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias